quarta-feira, 18 de julho de 2012

Parabéns, Mandela!

Parabéns pelos 94 anos!
Parabéns pelo exemplo de vida!
Parabéns pela determinação e coragem na luta contra o apartheid!
Que lhe podemos dar de presente? O que nos pede: tempo. Tempo e trabalho voluntário a favor de causas sociais. 67 minutos! Um minúsculo minuto por cada maiúsculo ano da sua penosa luta por justiça.
Todos temos algo por que lutar, sendo livres e solidários. Apoio esta ideia!
Parabéns e muitos anos de vida, Mandela!



  



4 comentários:

Healing Naturaly disse...

The lindo Manuela, adorei <3
Isabel

Manuela Caeiro disse...

Olá, Isabel! Foi muito bom sentir este aplauso... Gostei muito da visita!... Um grande abraço.

Arlindo Costa disse...

Olá cara amiga, (permita-me que a trate assim). Acabei de descobrir o seu blogue e fiquei impressionado com o seu interessante trabalho em prol da cultura. Apesar de eu ter pouca formação académica, (4ª classe) e ser um ex-operário já reformado, gosto de ler, e aprecio tudo o que se faça para promover o conhecimento e sobretudo a nossa cultura. Dizer também que gostei do que escreveu sobre o grande homem, que foi Nelson Mandela. Gostei também muito do vídeo da Miriam Makeba. Também eu, em tempos escrevi um pequeno texto sobre Nelson Mandela que foi publicada em " cartas dos leitores" Diário de Notícias. Apesar de eu não dominar muito bem esta " maquineta" (computador) gostaria de poder futuramente a visualizar e a participar nos seu interessante blogue .Por agora não quero roubar-lhe mais tempo. Foi um prazer comunicar com a amiga. Com os meus cumprimentos, Sou, Arlindo de Jesus Costa,( email: arlindocosta44@gmail.com)

Manuela Caeiro disse...

Grata, Arlindo Costa, pelo seu comentário e manisfestação de apreço. Provou que domina a "maquineta" e é evidente que se interessa por assuntos vários e pela escrita.
Poderá criar o seu próprio blogue!
O meu, ultimamente, passou a ser o "caderno diário" de sessões de leitura, em bibliotecas escolares.
Estamos, portanto, de férias!
Os meus cumprimentos, Arlindo Costa.