sábado, 8 de novembro de 2008

A manifestação de 8 de Novembro...





(Em cima: "Ministra da Decepção".)
(Em baixo: "Papelada + papelada = Educação degradada"...)





(... e: "Vamos acabar com este drama.")




"Uma imagem vale mais do que mil palavras" - provérbio chinês.

3 comentários:

Elsa Neves disse...

Olá, Manuela!

Neste momento também faço um intervalo na correcção de testes.
Estou, desde 15 de Setembro, a dar aulas em Estoi, concelho de Faro. Fiquei colocada mais cedo do que estava à espera. Uma boa surpresa.
E, como a Manuela vê, isto é que tem sido um verdadeiro périplo pelo país: Cacém, Almada, Lisboa, Santa Maria da Feira e, agora, Faro.
Belo o nosso país e interessantes as nossas gentes.

P.S.: Boas fotos! Eu também estive lá... tal como (quase) todos os professores deste país. Dos poucos que não foram a maioria esteve presente de alma e coração.

Unidos pelo Amor ao Ensino.

Bom ano, Manuela, e obrigada pelas visitas ao Ars Vitae. Fico sempre muito contente por ver a sua presença no meu humilde blogue.

Mil beijos.

Joaquim Chaves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joaquim Chaves disse...

Olá,
O que mais me revolta no tema sobre o sistema de avaliação, é a forma como estas inteligiveis governamentais viram contra os professores, a população. Também comodamente os pais marimbam-se para os problemas, mesmos os mais triviais e que respeitam directamente aos filhos. Não participam na vida escolar, pedagogia é palavra que se desconhece nas mais de 8 horas de trabalho.
Trabalho numa grande empresa, mesmo das maiores e a avaliação de desempenho sendo muito evoluída, comportando auto-avaliação e avaliação dos superiores hierárquicos, no fundo não passa de uma distribuição percentual e decrescente de uns euros, sem reconhecimento dos valores individuais, em termos de perspectiva de carreira.
Considero que a luta dos professores é justíssima e corajosa pois põe em causa um sistema por demais denunciado ao nível sindical nas empresas.
Continuem a lutar, com a criativida e inteligência que vos é própria, pois nada se consegue passivamente, o futuro conquista-se!
Joaquim Chaves