sábado, 13 de dezembro de 2014

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Ler a meias... a caminho do Pragal...

Esperem..., eu conto!... Vamos às fotos!...
Começo por dizer que primeiro fui ao 4º A, uma turma de "velhos" amigos... (Teve de ser na sala de aula, pois a biblioteca escolar está mesmo ocupada àquela hora!...)
Contos e curiosidades sobre algumas tradições desta época preencheram a sessão.

A seguir, veio o 4º B. (Novidade, este ano.) E este nosso 1º encontro foi na biblioteca.
(Para a próxima vez, trocamos.)
Dois contos. E comparámos as ilustrações da história O abeto/O pinheirinho, por duas ilustradoras: Annastassija Archipowa e Suzanna Hubbard. (A maioria preferiu as desta última, mais coloridas...)


Como perceberam, no Pragal...,
leu-se e falou-se de... Natal!

E agora, até para o ano!
Boas férias!

Bibliografia:
Hans Christian Andersen, Contos de Natal, Everest
Matilde Rosa Araújo & Maria Keil, Florinda e o Pai Natal, Calendário
Manuel António Pina, O cavalinho de pau do Menino Jesus, Expresso
José Viale Moutinho, As visitas do Pai Natal, 7 dias 6 noites
O Grande Livro do Natal, Clássicos da Literatura Mundial para toda a família, ASA


segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Lendas... para Ler a meias...


O 3º A, da EB1 dos Caranguejais, teve direito a uma curta: E assim nasceu Timor
(Pouco a pouco, vamos encerrando o ciclo iniciado com a leitura de Lya/Lia, de Margarida Botelho.)
Claro que os meninos reconheceram a lenda do crocodilo e puderam observar tudo o mais que o filme proporciona: música, imagens de lugares e gentes, com o seu  vestuário tradicional, que deixa adivinhar calor...
A seguir, um salto para a Europa. Outra lenda.
Sim, Natal.
Meias à chaminé (por vezes, sapatos): sabem de onde vem esse costume?...
Essa é a lenda de S. Nicolau!
Consta que ele era muito generoso e atirou bolsas de ouro para dentro de casa de uma família pobre, as quais foram cair dentro de meias que estavam, precisamente, a secar à chaminé... Uma longa história!
Na Holanda, Alemanha e outros países, é costume darem-se presentes no dia de S. Nicolau. E lá estão as meias penduradas, à espera de prendinhas...
É já na próxima noite de 6ª feira para sábado, pois o dia de S. Nicolau é 6 de dezembro.

Das festas, as vésperas - diz o provérbio. Verdade!

E tu, na noite de Natal (de 24 para 25)... também penduras meias? Pões sapatos?
No 3º A, há quem mantenha a tradição.
Eu também!

Bibliografia
O grande livro do Natal, Clássicos da Literatura mundial para toda a família, ASA